Sobre mim

Nos últimos 17 anos, trabalhei na indústria de software, resolvendo problemas complexos em diversos domínios. Desde 2004, ensino alunas (os) de graduação e desde 2006 as/os de pós-graduação. Construir habilidades na indústria e na academia sempre foi desafiador e divertido!

Atualmente, sou Professora Adjunta no Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Brasília (UnB). Além de consolidar o trabalho de quase uma década em Métodos Ágeis, estou trabalhando em áreas de pesquisa que apóiem a agenda de sustentabilidade da ONU 2030. Isso inclui as linhas de pesquisa em Gendered Innovations, Transformação Digital & Analytics End-User Development, ambas envolvendo pesquisa qualitativa e analíticos. Em 2016, tornei-me conselheira para o Mulheres na Tecnologia.

Meu trabalho anterior foi de Diretora Global de Aprendizagem e Desenvolvimento, na ThoughtWorks, e, antes disso, CTO da ThoughtWorks para América Latina, apoiando consultores em 5 escritórios diferentes para proporcionar excelente software, aconselhar grandes organizações na transformação ágil, e construir uma forte comunidade ágil no Brasil. Lá também fazia parte do Technology Advisory Board que gera semestralmente o Technology Radar. Um dos trabalhos transversais nos quase 4 anos de TW esteve relacionado com a estratégia de gênero e tecnologia no Brasil.

Anteriormente trabalhei com organizações como Unisys, Diebold, C.E.S.A.R, Banco Central do Brasil, Banco Regional de Brasília e Open Communications Security.

Na Academia, recebi meu Ph.D. em Ciência da Computação no Instituto de Matemática e Estatística da USP (a maior universidade da América Latina), em colaboração com a Norwegian University of Science and Technology. Meu tema de pesquisa foi produtividade de times ágeis, seus fatores e monitoramento. Se está curioso sobre o trabalho de pesquisa, acesse a minha tese.

Na USP, também realizei pesquisa sobre classificação semi-automática de componentes e recuperação, inovação digital, estruturas organizacionais, produtividade, dinâmica, motivação e confiança em times. Contribui em publicações científicas, livros e relatórios da indústria, compartilhando este conhecimento na América Latina, EUA, Europa, Escandinávia e Oriente Médio. Em 2015, recebi o Prêmio Tese Destaque USP, categoria Ciências Exatas e da Terra, concorrendo com 5.200 teses de doutorado defendidas na instituição entre 2013 e 2014.


Resumé

         


Afiliações

screen-shot-2016-10-28-at-11-21-54-am